Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

ARQUIVO POR ASSUNTO

Mostrar mais

ARQUIVO POR DATA

Mostrar mais

Para ganhar moral assumiu crime de outro.

Imagem
Ao ver o corpo inerte caído a seus pés não pensou que seria ele quem pagaria pelo assassinato. Ele, um jovem simples que só desejava ser herói no mundo do crime – sonho de garoto de periferia. As primeiras lutas, o aprendizado. Todas as pessoas que o amavam, alertaram-no para os perigos da vida criminosa, e ele afinal, não era um malfeitor, apenas um rapaz singelo que ansiava ver-se reconhecido, ter renome, ser respeitado pelos manos. Tudo viria a culminar com sua prisão. Seria esta sua sina.
Madrugada de domingo, 11 de novembro de 2007.
Próximo ao Centro de Lazer TitiCidade NovaItu

Saem juntos de um forró nas proximidades Marcos Gomes de Queiroz Filho (Marquinhos) e Marcos Rogério dos Santos. Alguns minutos depois Marquinhos retorna sozinho. Marcos Rogério havia sido morto com chutes na cabeça e garrafadas.

Algumas pessoas comentaram ter visto Marquinhos discutindo a respeito de uma dívida com drogas com o micro-narcotraficante Marcos Rogério. Marquinhos também ajudou cavar sua …

Assassino do Cruz das Almas é julgado em Itu.

Imagem
Um ato covarde praticado por um homem covarde – esse foi o tom usado durante toda audiência pelo Dr. Luiz Carlos Ormeleze. Paulo Roberto Ferreira Torres veria, caso tivesse se dignado a comparecer no Tribunal do Júri da Comarca de Itu, o promotor de justiça usar todo o seu poder de oratória para poder conseguir sua condenação. Domingo, 20 de fevereiro de 2005 – 21:40
Rua Cruz das Almas 658Jardim das Rosas – Itu

O jovem Mauro Luiz de Souza Júnior chega à casa dos pais, pára a moto e chama alguém para abrir o portão. Sua irmã desce, o reconhece e vai buscar a chave para abrir o portão. Ela dirá em júri que o irmão estava em pé ao lado da moto, segurando-a com as duas mãos no guidão, quando o vizinho Paulo Roberto chegou ao seu lado.
O que ocorreu de fato nestes poucos minutos ninguém jamais irá ao certo saber, mas bastou o tempo da garota subir buscar a chave para que ela ouvisse o vizinho gritando com seu irmão, e ao voltar correndo já viu a ambos rolando pelo chão em luta corporal. G…

A Secretaria do Turismo e a 3ª Cãominhada.

A SECRETARIA DE TURISMO, LAZER E EVENTOS APRESENTA: 3ª Cãominhada de Itu pelo Centro Histórico Por que a Secretaria de Turismo está realizando a Cãominhada? Porque a Cãominhada, a partir de fevereiro de 2011 é Lei Municipal, Lei 1297/2011 e está incluída no calendário de eventos do Município, portanto, só pode ser realizada pela Administração Municipal. Por que o título 3ª Cãominhada? Porque já foram realizadas 2 Cãominhadas anteriores, em 2009 e 2010 pelas entidades Bichos S/A e ASPA (Associação de Socorro e Proteção Animal) com o apoio Veterinário Voluntário do Dr. Sérgio Castanheira e apoio da Secretaria Municipal de Turismo, Lazer e Eventos. Pelo eixo histórico de Itu, esta será a 3ª Cãominhada, com início na Praça Dom Pedro I (ao lado da Fábrica São Luiz) e término na Praça Conde de Parnaíba (IBAO), conforme foram as duas anteriores. Objetivos da 3ª Cãominhada: - Estimular a prática saudável de realizar exercícios físicos que favorecem o bem estar humano e animal. - Promover a sensibiliz…

Todos dizem que Baianinho é inocente, mas será?

Imagem
Se onde há fumaça existe fogo, podemos condenar um homem pelas acusações que as pessoas que o conhecem fazem dele? E se for assim, podemos então inocentar alguém pelo depoimento fiel daqueles que convivem com ele?
Que não existe inocente nesta história, isto lá não existe, mas será que existe um personagem mau que levou um inocente para o descaminho, ou não? Peço que avaliem e se possível, tragam-me a verdade: esta pessoa merece ser absolvida, ou não.

Domingo, 16 de agosto de 2009 – 19:36 horas
Droga Raia Vila NovaRua Prudente de Moraes 270 - Itu

Dois homens entram na drogaria. A balconista Luciene Santiago Gelli estranha à atitude daqueles dois homens, um branco e um negro, que aparentam nervosismo, mas o movimento é intenso no estabelecimento e ela prossegue em seu trabalho.

Os dois chegam até o caixa onde ela está, e o homem branco, simulando estar armado anuncia: “É um assalto, vai neguinho, pega tudo!” Quem grita isso é o Douglas de Oliveira, um pintor nascido em Santo Anastáci…

Carta de um prisioneiro arrependido à uma juiza.

Imagem
A hipocrisia cristã de dizer que não se julga seu semelhante findou. Todos julgam a todos sim, sempre, a cada minuto, seja com uma visão complacente ou acusatória, mas todos julgam.
Desta forma não temo dizer que por mais neutro que tente eu ser que sempre tomo partido, penso: esta pessoa mereceu ser castigada ou absolvida. Em alguns casos é mais fácil e em outros bem mais difícil, e é um desses casos que hoje trago ao olhar dos senhores.

Que não existe inocente nesta história, isto lá não existe, mas será que um personagem mau que levou um inocente para o descaminho, ou não? Peço que avaliem e se possível, tragam-me a verdade: esta pessoa merece ser absolvida, ou não?

Domingo, 16 de agosto de 2009 – 19:36 horas
Droga Raia Vila Nova,Rua Prudente de Moraes 270, Itu

O pintor santoanastaciense Douglas de Oliveira e Alex Santos de Almeida (Baianinho) assaltam a drogaria e fogem a pé em direção ao Jardim Aeroporto, sendo abordados e presos no caminho pela Guarda Civil Municipal: GCM Squilar…

Em Defesa da Verdade - Lázaro José Piunti

Imagem
No dia 14/02/01, foi editada a lei municipal nº 14/2001, autorizando o então presidente do SAAE, eng. Adolfo Fanchini, a repactuar a dívida consolidada junto à CAVO Saneamento Esgotos SA Essa confissão de dívida fora negociada pela administração anterior, no dia 28/12/2000.

Inconformada, a CAVO no dia 07/03/2003 obteve judicialmente o bloqueio de recursos da autarquia. A direção do SAAE recorreu. Em todo o tempo, o SAAE admitia uma dívida no valor de Um milhão e
Setecentos Mil reais. A CAVO pleiteava Dez Milhões. O TJ/SP bloqueou Cinco Milhões. O SAAE apresentou Agravo de Instrumento (17/11/2003).

No decorrer da disputa judicial, a CAVO desistiu da concessão e o Município assumiu legalmente os serviços de tratamento de esgotos.

No dia 25/10/2004 o Tribunal de Justiça acolheu o recurso da CAVO. Os advogados contratados pelo SAAE apresentaram no prazo legal, recurso ao Superior Tribunal de Justiça em Brasília (14/9/2005).

Note-se: o TEMPO TODO, a CAVO mostrava seus cálculos, dizendo-se…

3ª Cãominhada de Itu - evento ou plágio

Imagem
Recebi um e-mail denunciando o uso indevido da marca não registrada "Cãominhada", apropriando-se da autoria das versões anteriores. Quem assinaria seria "Sheila Ferreira" que de fato tem seu nome vinculado as outras edições (VEJA AQUI), e foi enviado por um endereço confiável bichos@bichossa.com.br. Somado a tudo isso temos a matéria do Itu.com.br que esclarece que de fato já houve a 3ª Cãominhada no dia 25 de setembro (VEJA AQUI) e temos o costume da atual administração de construir manchetes e não realidades. Quem não se lembra do recorde de arvores plantadas no mesmo dia (onde hoje fica o Novo Centro) e a pintura da Avenida Galileu Bicudo chamando aquilo de Ciclovia. Não ousando duvidar da triste acusação e passo então divulgar aqui neste blog, publico-a assim como a recebi. Por outro lado o evento promovido pela Secretaria do Turismo está amparado por uma Lei Municipal, o que significa que houve debate na Câmara Municipal e apreciação pública, e teria sido o lo…

Guarda Municipal aposentado é ameaçado em Itu.

Imagem
O velho fitou por um longo tempo o rapaz, e depois olhou para o infinito pensando: “valeu a pena?”. O Benedito enchia o peito e botava terror, mas o velho guarda apenas tentava descobrir aonde tinha errado, fechou os olhos, e depois de alguns instantes que pareceram horas, falou calmamente: “não lhe quero mal, por favor, vai embora”.
Segunda-feira, 21 de julho de 2008.
Rua Luiz Miguel Cristofoletti, Vila Prudente de Moraes, Itu.

O borracheiro Benedito Francisco Dias Ferraz não planejou nada, apenas estava passando pela rua quando viu aquele guarda municipal aposentado, GCM Machado, que o havia prendido por diversas vezes. Bendito nunca o perdoou por isso, culpava-o por cada detenção: furto, drogas, liberdade pessoal, apropriação indébita, roubo e extorsão.

Por alguns crimes foi penalizado, por outros a justiça o liberou, mas o guarda civil municipal nunca acompanhou os casos, afinal, para ele era apenas um delinqüente levado até a autoridade policial, dali por diante não lhe cabia julg…

O velho armeiro da Vila Prudente de Moraes em Itu.

Imagem
Quinta-feira, 26 de março de 2009. – 15:24 Rua Antônio Francisco Paula Souza – Vila Prudente de Moraes

O septuagenário Armando Antônio Bergamini está na edícula de sua residência, um pequeno cômodo com dois metros por três com uma bancada que ele usa como uma pequena oficina, quando vai atender a porta. Era a polícia.

Os policiais dizem a ele que receberam uma denúncia que ele estaria concertando armas para os marginais da cidade. O Sr. Bergamini de pronto convida aos policiais para comprovarem que isso não era verdade, e convida-os para entrar.

Conta aos jovens policiais que de fato aprendeu a arte da armaria quando serviu o quartel há mais de quarenta anos, e depois ganhou o seu pão como soldador por muitos anos. Agora ele de fato tem uma pequena oficina de conserto de armas de pressão.

A arma que estava sobre a bancada do Sr. Bergamini era um revolver 38 pinado. O septuagenário explicou que um tal de João tinha deixado a arma lá para ele ver se tinha conserto, mas o velho não sabia …

Em Itu a impunidade acirra a criminalidade.

Imagem
Fazer uma polícia forte que combata com energia os crimes cometidos é cada vez mais um anseio social e uma necessidade para se enfrentar de igual para igual o crime.
Nos tempos da Ditadura Militar os membros organizações de Direitos Humanos eram heróis que enfrentavam o Sistema em prol dos oprimidos, muitas vezes pagando pela ousadia com a própria vida e a liberdade, mas hoje não mais enfrentam o Sistema, fazem parte dele, e passaram a enfrentar o clamor popular.

A razão para tal pode ser vista em Itu, onde no último quadrimestre de 2009 sentaram-se nos bancos dos réus: 35 pessoas acusadas de roubo e 31 por furto. O crime de roubo é o de maior periculosidade e complexidade, raramente ocorre um cidadão começar sua carreira criminosa através desta modalidade, no entanto a impunidade faz com que os jovens comecem com os pequenos delitos e gradativamente galguem o topo da carreira: assaltantes.

Não se pensa em aplicar aqui o sistema de Tolerância Zero, que pretende a punição exemplar dos…

A presença do advogado deve ser obrigatória na DP.

Imagem
Todos nós cidadãos estamos sujeitos a cairmos nas garras da Lei. É fato que para aqueles que são honestos, este risco é menor, tanto que a grande maioria passa a vida sem ter que enfrentar tal situação.
A Constituição garante: “o preso será informado de seus direitos, entre os quais o de permanecer calado, sendo-lhe assegurada a assistência da família e de advogado”. Este escudo inibe erros judiciais e prisões arbitrárias, que podem tornar um inferno a vida de qualquer um.

A inobservância deste preceito constitucional, o da obrigatoriedade da efetiva assistência de um advogado quando de uma prisão em flagrante, coloca a todos nós em uma situação de risco, além de macular de nulidade a prisão.

No momento da prisão estão presentes: o delegado, os policiais, o escrivão e por vezes os acusadores. Todos contra, ninguém a favor. É dito ao preso que lhe é assegurada à assistência da família e de advogado, no entanto, naquele momento ninguém ali tem a obrigação de providenciar tal contato.

O…

Drogas em Casa, um direito de todos.

Imagem
Dois trabalhadores são presos. Seus defensores alegam que eles "são pessoas humildes, de baixa instrução e que caíram no caminho das drogas" : o bicicleteiro Douglas Santana Viana e o decorador Cristian José Pereira Pinto.
Flagrados com mais de uma dezena de porções de maconha e de cocaína, no Bairro São José na cidade de Itu, disseram que a compraram de Bim Laden, um traficante que atuaria na entrada do Itaim.

Haveria uma festa, segundo um deles, e a droga lá seria consumida. Os advogados de ambos lembram que o próprio Promotor de Justiça ressaltou “... Douglas trazia consigo drogas ...”. Não existe qualquer impedimento para que o cidadão vá aonde for com seu entorpecente, afinal aqui é Brasil, terra dos bodes expiatórios e nação onde se tapa o Sol com a peneira.

Douglas e Cristian são assumidamente usuários, e seriam condenados apenas por estarem com quantia de entorpecentes acima do comum. Ninguém pode dizer qual a quantidade que indica o que é ou não tráfico. Estavam si…

Justiça terá que decidir sobre um caso de amor.

Imagem
Uma nuvem lúgubre e pesada passava agora onde antes havia um céu azul límpido. Elcio Rodrigues sabia o que estava acontecendo, e hoje só não consegue entender como não previu isso.
Quando conheceu Rosi tudo indicava que iria dar certo. Rosivalda Ferreira Lima foi a mulher que ele escolheu para ser sua companheira: juras eternas, segredos trocados, sorrisos cúmplices, tudo caminhava para um final feliz.

O tempo passou e Rosi passou a se comportar de maneira cada vez mais sem controle, sufocava Elcio com cobranças cada vez mais constantes. Continuou a agir assim mesmo quando tudo indicava que ele a abandonaria. O que ocorreu, afinal aquele amor tornou-se impossível.

Uma das características do amor destrutivo é a agressão gratuita e impulsiva:

Era fevereiro de 2005 quando Elcio estava em um bar, avisam-no que uma mulher estava quebrando seu Gol azul. Bidu... era ela. Este ímpeto destrutivo, sem qualquer provocação, indicaria uma patologia que mereceria ser tratada: ela estaria experimen…

Os policiais não acreditam mais nos cidadãos.

Imagem
Carnaval na Cidade Nova em Itu, porque não? O osasquenseMarcelo de Agrela morador do Jardim Solange na cidade de Sorocaba estava a fim de curtir a noite. Vinte e poucos anos é tudo de bom – energia sem fim!!!
Já tinha ido até Votorantim aproveitar a festa da cidade, mas o agito do Carnaval de Itu era dele conhecido. De lá era só um pulinho até aqui, e afinal, quem quer vida e agito não pode deixar de curtir a famosa Avenida da Cidade Nova(A). O rapaz seguiu com seu gol 94 azul – é apenas meia hora por uma boa auto-estrada. Dois palitos e chegou. A noite promete, lá sempre promete.

23 de fevereiro – 23h

Valeu à pena, a Avenida estava lotada. Era só achar um lugar para estacionar. Problema: caso deixasse o carro muito longe era fácil ficar sem o carro, mas ficando muito perto... bom, também era. Longe ou perto, o Gol é o carro preferido pelos bandidos no furto de veículos em Itu. Escolheu o lugar a dedo, era ali, naquela rua cheia de carros. A noite promete, lá sempre promete.

Marcelo e…

O advogado de Descalvado e a Guarda Municipal.

Imagem
Os antigos diziam que as palavras eram de prata e o silêncio era de ouro, mesmo naquele tempo em que as palavras voavam e o que se dizia aqui não se ouvia acolá...

O tempo passou, o mundo se globalizou, e cada um de nós ficou mais perto do outro. Cada palavra deve hoje ser pensada e repensada antes de ser jogada ao vento — elas podem ir ao longe.

Geraldo Belli Jr. é um quintoanista de direito da bela cidade de Descalvado que não tinha idéia que alguém longe dali leria com atenção suas palavras tão bem escritas: "A guarda metropolitana não é uma polícia ostensiva, assim como não possui poder de polícia,e, sonsequentemente, não exerce também funções de Polícia Administrativa." (Copiado de acordo com o original)

Recorro a Otoniel Morais que estava passando pelo mesmo recanto para esclarecer. Ele diz: "policiamento ostensivo (ostenta uniforme), vez que ela está no contexto de segurança pública. Essa interpretação pontual do §8º de forma isolada é errado. Texto sem contesto …

Bater na mãe não foi um bom negócio para ele.

Imagem
Ali, ninguém tinha dúvidas que aquela senhora ia dizer que perdoava seu filho. Malvina Gonçalves Pagim, uma senhorinha mairinquense de pouco mais de um metro e meio de altura e setenta e seis anos de idade, era uma figura que dava dó. Mas seu pedido de clemência não seria levado a sério, não pelas pessoas naquela sala.

Quatro meses e meio antes daquelas pessoas estarem ali reunidas...

Adriana Pagim estava em sua casa que fica nos fundos da residência de sua mãe na Rua Miguel Trípoli Gliório, no Bairro São Judas Tadeu em Itu. Era final de tarde, por volta das seis horas, quando ela ouviu um tropé do lado de fora. Saiu para ver o que estava acontecendo e se deparou com seu irmão Marcelo puxando violentamente sua idosa mãe para a rua. Adriana gritou, Marcelo largou a mãe e fugiu.

Drª. Maria Josefina Oliveira Rezende, tenta convencer a todos que estavam naquela sala que Marcelo Pagim, um pintor de paredes de trinta e quatro anos era por todos bem quisto: “... gente boa e trabalhadora, nun…

Advogado dúvida a visão biônica do policial federal.

Imagem
“A prisão de Anderson Cristiano dos Santos Nascimento foi um oásis de fatalidade em um deserto de erros” – é o que acredita o Dr. Gerciel Gerson de Lima.
Desde o início, nada levava ao seu nome, absolutamente nada, mas uma acusação feita em momento de desespero, um favor prestado a um amigo, e uma afirmação mal colocada haviam-no posto no banco dos réus.
Noite de quarta-feira, 23 de setembro de 2009. Beto's LanchesRua Ângelo Gatti, 251 - Vila Gatti
Ao dobrar a escura esquina que o levaria ao trailler de lanches o policial federal Gianpaolo viu aquele Escort prata que vinha no sentido contrário. Um breve olhar para os rostos iluminados por poucos segundos pelo farol de um outro veículo foram o suficiente para jamais esquecer aqueles rostos. Tubo bem que ele é responsável pela segurança de Ministros de Estado e sua eficácia e tirocínio sejam notórios, mas Dr. Gerciel não conseguia se conformar com tanta eficácia.
O veículo virou a esquina. Fosse o que fosse não era com ele. – pensou G…