ARQUIVO POR ASSUNTO

Mostrar mais

O anjo-da-guarda no Clube Comerciários de Itu.

Aquele anjo-da-guarda foi avisado à nunca escolher uma missão, agora entendeu a razão.

A mãe daquela menina dizia que a noite foi feita para dormir, recuperar as forças para mais um dia de trabalho e estudo. A noite é o momento em que os anjos ficam mais atentos, cuidando das pessoas que em casa descansavam em paz.

A mãe daquela menina não tinha ideia que a noite foi feita para: agitar, dançar, ficar, beijar, e encontrar com a galera. A noite é o momento em que os anjos ficam mais atentos, cuidando das pessoas que estão nas ruas, points e clubes.

Nisso pensava aquele anjo-da-guarda, cuja missão era proteger aquela garota. Estava cansado, mas era seu trabalho há várias gerações. Desta vez tinha pedido para cuidar de uma menina, e conseguiu.

Aquele Anjo-da-guarda foi avisado à nunca escolher uma missão, agora entendeu a razão.

Seu último protegido foi morto de maneira trágica e inútil. Homens vivem brigando, e por cada motivo mais ridículo... As garotas são mais inteligentes, tem seus problemas, mas não partem para a briga por qualquer motivo.

Aquele anjo estava a pensar se seu chefe não tinha aprontado de propósito com ele. Sua protegida estava lá no Clube Comerciários em Itu, onde outro dia, ele mesmo presenciou uma treta que acabou levando uma alma para o inferno.

Agora via sua protegida metida em uma briga de garotas...

Lauren Cristiane vai à DDM de Itu: levou um baita soco. Ela conta que estava na parte de baixo do clube e quando passou perto de três garotas, alguém bateu na bebida de uma delas e uma das mulheres a encheu de porrada.

Elaine Cristiane, que por lá estava, conta que Lauren apanhou a toa. Foi uma garota de cabelo canecalon que passou por ali e derrubou a bebida do trio. Mas naquele vuco-vuco sobrou pra primeira que pegaram pela frente: Lauren.

A GCM Doralice ouviu o depoimento da garota com 1,70cm, cabelos castanhos escuros, rabo de cavalo, magra, rosto fino branco, com tatuagem na barriga, que foi identificada como sendo a agressora, seu nome: Camila.

Ela contou a Guarda Civil Municipal que a garota derrubou a bebida dela (sua amiga Jaqueline confirmou) e Lauren não gostou quando ela chiou, foi pra cima e acabou apanhando.

Aquele Anjo-da-guarda foi avisado à nunca escolher uma missão, agora entendia a razão.

A Delegacia de Defesa da Mulher com o apoio das guardas civis lotadas naquela repartição, fez um trabalho de inteligência para conseguir chegar sem sombras de dúvidas até Camila, que foi reconhecida quando colocada entre “três pessoas algo semelhantes entre si”.

Os seguranças do clube que separaram a briga naquela noite, posteriormente deram as pistas para a identificação dos envolvidos. Sem a ajuda de Valdemar e Edílson, a casa não teria caído para Camila.

Uma outra testemunha que por lá estava, disse que Camila afirmou que com ela nada daria, pois sabiam com quem estavam mexendo. Dr. Hélio Villaça Furukawa, juiz de direito, não devia saber com quem estava mexendo, pois a condenou a pagar ao Instituto Formando Gente a quantia de R$ 800,00.

Camila não passou vontade e deu porrada. Os jovens da Associação Formando Gente gostaram e pedem bis, aquele anjo-da-guarda nunca mais vai escolher uma missão, agora vocês entendem também a razão.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Estatuto do Primeiro Comando da Capital PCC 1533.

Cartilha do Primeiro Comando da Capital PCC 1533.

Dicionário - Regimento Disciplinar PCC

Quem são e o que fazem os disciplinas do PCC 1533?

Como se faz para entrar como membro do PCC.