Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2021

A facção PCC 1533 e Aarão do Complexo de Israel

O ativista russo de direitos humanos Artemiy Semenovskiy ( Артемий Семеновский ) comentou no grupo de WhatsApp do site que recebeu informações que Manaus teria sido dominada pelo Comando Vermelho (CV). Fiquei intrigado. Há muito rola por lá a guerra entre as facções, mas a definição do conflito não me parecia estar próxima, apesar de me preocupar com a postura de grupos que antes se aliavam ao PCC : Guardiões do Estado GDE e o Bonde dos 40 B-40 . O GDE passou para a neutralidade e o B-40 tornou-se inimigo, matando integrantes e saqueando suas biqueiras do PCC , enquanto a antes poderosa Família do Norte FDN se dissolve. A resposta para essa intrincada e bilionária disputa pelo poder e pelos negócios nas regiões Norte e Nordeste pode estar nas comunidades do Complexo de Israel CDI no Rio de Janeiro , como me fez ver o canal Band Net News . O Complexo de Israel é um grupo criminoso carioca, contrário ao Comando Vermelho, e que, apesar de manter parceria com Primeiro Comand

Morte na guerra: Primeiro Comando da Capital Vs Bonde dos 40

Alex de Oliveira Souza morreu e a imprensa só tratou ele como mais um moleque sem importância. Não é assim e não é só isso. Ficam de brincadeira, pegando a foto do moleque morto colocando para ganhar audiência, sem respeito. Esses que pagam pau para os políticos e para a polícia tem que lavar a boca para falar de quem está na rua garantindo a sobrevivência da sua família. Colocaram a foto do moleque morto, mas nem foram procurar saber quem ele era — todos os sites repetiram a mesma história que nem papagaios treinados. Se perguntassem descobririam que ele era mais um moleque que não queria viver de joelhos. Se perguntassem ficariam sabendo que ele queria ser espelho para os garotos do Bosque Sul de Teresina. Ele era mais um que não queria mais sentir na pele esse maldito preconceito que cada moleque sofre quando está no trampo ou quando anda nas ruas do centro ou do shopping. Era disso que ele falava: do progresso dele e da família, de ficar com os irmãos, e de correr pelo la

A facção PCC e a dinâmica do crime transnacional

Entendendo o crime a partir da facção PCC 1533 Pesquisadores do InSight Crime analisaram a mecânica do crime organizado transnacional no Cone Sul através do processo de expansão da facção criminosa brasileira Primeiro Comando da Capital . Às informações passadas pelos pesquisadores Steven Dudley e Vinícius Madureira sob a mediação da professora Camila Nunes Dias somo outras para chegar às conclusões deste texto. Para assistir ao vídeo do seminário em português: “Explorando a profundidad el crimen organizado en Brasil y sus fronteras” Facção PCC 1533: estratégia de domínio Com mais de 10 mil integrantes só no estado de São Paulo e quase três décadas de história, a facção paulista gere a vida dentro das muralhas, assim como, a partir de suas biqueiras, as comunidades periféricas ou marginalizadas. Somando negociação e violência extrema, a organização paulatinamente chegou a todos os recantos do país, com maior ou menor presença, de acordo com a realidade local e de seus interes

Ódio, Limpeza, Repetição — O Ciclo Fútil da Raiva na Polícia do Rio

Artigo de Chris Dalby para o InSight Crime (livre tradução) Mesmo o que parece ser um massacre liderado pela polícia dificilmente mudará a dinâmica da violência extrajudicial policial no Rio de Janeiro. O estranho entrou na casa, cambaleando e deixando um rastro de sangue atrás de si. Ele correu para os fundos, para o quarto da menina de nove anos. A polícia não estava muito atrás, gritando para saber onde ele estava. Eles haviam seguido o sangue. As crianças se esconderam atrás da mãe. Os policiais foram para a sala dos fundos e tiros foram disparados. “Minha filha nunca mais vai querer dormir lá” , disse mais tarde a mãe não identificada aos jornalistas, com pesados rastros de sangue visíveis atrás dela. Os relatos dos moradores do Jacarezinho são anônimos e difíceis de verificar. Mas todos eles parecem apontar para a mesma conclusão: este foi um massacre. Em 6 de maio, pelo menos 25 pessoas foram mortas neste bairro da zona norte do Rio de Janeiro, incluindo um policial, no q